Unha da semana – Sapatilha de ponta
19/02/2016
Momentos de isolamento
23/02/2016

Exercendo os dons com generosidade

“Porque todo sumo sacerdote, sendo tomado dentre os homens, é constituído nas coisas concernentes a Deus, a favor dos homens, para oferecer tanto dons como sacrifícios pelos pecados, e é capaz de condoer-se dos ignorantes e dos que erram, pois também ele mesmo está rodeado de fraquezas.” Hebreus 5.1 e 2

O sumo sacerdote era um homem separado por Deus para apresentar ao Senhor os sacrifícios pelo pecado do povo. Mas ele mesmo devia apresentar sacrifício por si mesmo, pois também era ser humano e por isso, também pecador.

Mas o que quero frisar na observação do texto de hoje é para o fato do sacerdote oferecer mais do que somente os sacrifícios por ele mesmo e pelo povo. Ele oferecia seus dons ao serviço do Senhor Deus e ao povo.

Olhando para o texto acima talvez você pense que este texto em nada tem a ver com você, afinal, você não é sacerdote. Mas a verdade é que este texto tem tudo a ver com que decidiu renunciar a si mesmo pra viver em Cristo.

Quando aceitamos a Cristo recebemos papeis importantes, veja o que a Bíblia declara:

“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; I Pedro 2.9

Somos sacerdócio real, e como o sacerdote antigamente oferecia sacrifícios e seus dons, assim também o devemos fazer.

Vivendo uma vida santa onde obedecemos a voz de Deus, onde somos obedientes a Palavra do Senhor, onde oferecemos sacrifícios de louvor e adoração por meio de nossa gratidão e obediência, sendo fiéis em nossos dízimos e ofertas, sendo justos nos nossos negócios, sendo íntegros mesmo longe dos olhos das pessoas…

Mas vai além disso, deve alcançar também a oferta dos nossos dons e talentos no nosso dia a dia. Oferecendo os dons que temos pra ajudar as pessoas, pra edificar vidas, pra abençoar, pra incentivar, etc.

Em cada pessoa quando Deus a fez, Ele mesmo colocou talentos e dons, então não me venha com o papo de que você não tem talentos! Todos temos dons e com certeza todos temos mais de 1.

Muita gente pensa que somente saber cantar, ou tocar um instrumento, ou saber falar bem em público e pregar sejam os únicos dons, mas NÃO É!

Talvez você não saiba fazer nenhuma dessas coisas acima, mas escreve muito bem, ou sabe negociar, é boa em administrar os recursos que vem as suas mãos. Ou sabe mediar conflitos, sabe apaziguar uma briga, é boa pra ensinar crianças, cozinha bem, etc.

Estas coisas nas quais você é boa, são seus dons. E é bem possível que hajam dons em ti que ainda nem tenha notado. Por isso, é sempre bom ousar aprender coisas novas, pois assim nos conhecemos melhor, e melhor os dons que o Senhor nos deu.

Estes dons não devem ser enterrados, antes desenvolvidos para o nosso bem, para o bem dos que nos cercam e para o serviço do Senhor.

Busque conhecer a si mesmo mais e melhor, isso também se dá à medida que conhecemos mais a Deus e abrimos nossos ouvidos a Ele, Ele mesmo quer nos ensinar mais e nos moldar e aperfeiçoar a cada dia. Então, busque saber quais são os seus dons e exerça-os o melhor que pode, sendo generosa em oferecer os dons que Deus te deu para benefício de vidas e do reino.

Vale ainda dizer e frisar a parte final do nosso versículo de hoje, que diz:

“e é capaz de condoer-se dos ignorantes e dos que erram, pois também ele mesmo está rodeado de fraquezas.”  Hebreus 5.2

Nossos dons não devem ser usados pra nos alto vangloriar, nem pra nos sobressair diante das pessoas, antes devem ser para edificação.

Precisamos entender que os dons que temos nos foram dados por Deus e que devem ser usados com sabedoria e com a intenção correta. Nunca deve ser instrumento de exibicionismo, ou pra nos aparecer.

Precisamos entender que assim como Cristo morreu por nós Ele também morreu por aqueles que ainda não O conheceram, e assim como as pessoas tem suas fraquezas, nós também o temos.

Que nossos dons não se tornem em fraquezas em nossas vidas, sendo usadas de forma a entristecer o coração de Deus. Mas que tenhamos um coração amoroso que usa os dons pra abençoar.

Sejamos sábias e usemos os dons que o Senhor de modo a fazer com que Ele cresça em nossas vidas e nós diminuamos, pois é assim que deve ser.

“Por esta razão te lembro que tornes a acender o dom de Deus, que há em ti pela imposição das minhas mãos.” II Timóteo 1.6

“Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho mais excelente.” I Coríntios 12.31

Até a próxima.

Siga-me nas redes sociais

Facebook

Instagram

Twitter

Pinterest

Denise Angeli
Denise Angeli
Sou cristã, casada e mãe de uma menina. Formada em Gestão de Recursos Humanos e líder do Ministério Adorai. Amante da arte, pratico algumas delas: Escrevo música e poesia, canto, fotógrafa e estudante de flauta transversal. E fui bailarina. Gosto de trabalhar para ajudar as pessoas. Tenho um objetivo que sigo sem descanso: Ser melhor a cada dia. Amo ler a Bíblia e vivo minha fé. Nem sempre falo dela diretamente, mas as coisas que falo e faço tem este fundamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *